Com maratona de entregas, Escola Digna já construiu e reformou mais de 750 colégios no Maranhão

Programa tem transformado a vida dos estudantes

Maior programa de construção e recuperação de colégios públicos da história do Maranhão, o Escola Digna já passou da marca de 750 obras entregues. São construções, reconstruções e reformas em todas as regiões do Maranhão. Só neste mês de maio, por exemplo, foi uma média de uma escola entregue a cada dois dias.

Esse ritmo intenso vem sendo adotado para levar as transformações a todas as cidades do Estado. O Escola Digna foi lançado pelo governador Flávio Dino em 2015.

A meta é chegar a todas as 1.306 escolas da rede estadual. Mas o Escola Digna também vem substituindo prédios inadequados dos colégios municipais. São estruturas precárias, de taipa, sem condições para o ensino. Em lugar deles, são erguidas escolas com a estrutura necessária.

Antes, muita chuva ou muito sol

Antes e depois do Escola Digna

“Aqui eu vou aprender muito mais. A minha nova escola vai ajudar a mudar a minha vida. Antes a gente estudava em um lugar apertadinho, no verão fazia muito calor. Agora não, essa nova escola é grande e muito bonita”, afirma Ana Júlia Pereira Costa, 16 anos, do povoado Oito Mil, em Turilândia, que recebeu nesta semana a Escola Municipal João do Vale.

O Escola Digna também significa mais ensino em tempo integral. É o caso da entrega do Centro Educa Mais na cidade de Itapecuru Mirim, no início do mês. O antigo Centro de Ensino Ayrton Senna foi totalmente reformado e adaptado.

“Ano passado, quando chovia muito, os professores tinham dificuldade de dar aula, porque alagava tudo e a gente tinha que afastar as carteiras na sala”, conta a aluna Sarah Beatriz, 16 anos.

Mais do que um prédio

Ambiente interno de uma das Escolas Dignas

O Escola Digna representa obras estruturantes fundamentais. É preciso ter estrutura para aprender direito. Mas o programa vai além disso. Ele também significa uma mudança radical no jeito de pensar e sentir a educação maranhense.

“A reforma, eu acho que não foi só do prédio, porque os alunos estão muito mais felizes, estão diferentes”, explica Leandro Iglesias, um dos 600 estudantes beneficiados com a reforma da Unidade Integrada Maria Firmina dos Reis, no bairro da Cohama, em São Luís, também neste mês.

“O Escola Digna segue semeando esperanças no coração da nossa juventude e dos nossos educadores. Principal ação estruturante de um Estado realmente desenvolvido. Tenho imensa alegria de ver depoimentos assim”, diz Flávio Dino.

Programa tem transformado a vida dos estudantes

Powered by WPeMatico

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *